Notícias

Disney anuncia que parques na Flórida devem reabrir em julho


Fechados desde março, parques da empresa vão abrir aos poucos. Os primeiros serão o 'Magic Kingdom' e o 'Animal Kingdom', e, depois, o 'Epcot e os 'Estúdios Hollywood'. Visitantes e funcionários deverão cumprir regras para evitar disseminação da Covid-19. Pessoas andam por Disney Springs, em Orlando, na Flórida, no dia 20 de maio, depois da abertura de restaurantes e locais de compras em Walt Disney World. Stephen M. Dowell/AP A Disney anunciou, na quarta-feira (27), que vai começar a reabrir seus parques temáticos na Flórida em julho. Os primeiros serão o "Magic Kingdom"e o "Animal Kingdom", no dia 11, e, depois, no dia 15, o "Epcot" e os "Estúdios Hollywood", todos em Bay Lake. Os parques da Disney na Flórida estão fechados desde março por causa da pandemia de Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus, que já matou mais de 100 mil pessoas nos Estados Unidos. Visitantes e funcionários deverão seguir regras para evitar a disseminação do coronavírus, incluindo usar máscaras e passar por checagens de temperatura antes de entrar nos parques. Haverá aumento da quantidade de locais para lavar as mãos. A empresa vai diminuir a lotação nos parques e suspender, temporariamente, paradas, fogos de artifício e outros eventos que geram multidões, informou a CNN. O resort também vai permitir transações sem o uso de dinheiro vivo, expandindo formas de pagamento que não exigem contato físico. "Estamos indo devagar porque queremos fazer progresso constante e não ter que voltar atrás", disse Bob Chapek, chefe executivo da empresa, ao jornal americano "The New York Times". "O risco é ir muito longe, rápido demais". Ele não disse quantas pessoas a Disney vai permitir que entrem nos parques. A maior parte deles, segundo o jornal, tem capacidade para 80 mil pessoas por dia. O "Walt Disney World" é um conjunto de 6 parques nos EUA, com ingressos de entrada separados, que têm um público anual conjunto de 93 milhões de pessoas. O "Magic Kingdom" e o "Animal Kingdom" são os dois mais populares. Disney fecha parques por causa do coronavírus Fora dos EUA 12 de março: turistas lotam o Castelo de Cinderela no parque 'Magic Kingdom', da Disney, na Flórida. Joe Burbank/Orlando Sentinel via AP Além dos parques na Flórida, outras unidades nos Estados Unidos, na Ásia e na Europa também tiveram que fechar em algum momento por causa da pandemia de Covid-19. A "Disneyland" em Xangai, na China, o maior parque internacional da empresa, reabriu no dia 11 de maio depois de ficar fechado desde 24 de janeiro, segundo a CNN. Quando o parque voltou a funcionar, a capacidade foi limitada a um terço do máximo.
ENDEREÇO
RUA JOSÉ LOURENÇO RODRIGUES
Nº 24”A” 1º ANDAR - CATENDE - PE
CEP 55.400-000
FAROLFM 90,7 © Copyright 2018
© 2020 Farol FM 90.7. Todos os direitos reservados